sexta-feira, maio 24
Shadow

Ladrões de joalheria morrem em troca de tiros com a PM em Três Lagoas

Dois criminosos morreram após troca de tiros com a Força Tática da Polícia Militar na BR-158, em Três Lagoas, na segunda-feira (23). Os criminosos voltavam de Brasilândia quando, ao desacatarem a ordem emanada pela guarnição, dispararam contra a equipe.

Eles haviam acabado de assaltar uma joalheria na cidade. O crime aconteceu após a proprietária ser feita refém pelos dois meliantes, que estavam uniformizados quando cometeram o crime.

Assim que realizaram o assalto, a equipe do 1° Pelotão de Brasilândia foi chamada pela vítima. Ao serem informados do fato, o comandante do Pelotão acionou todos os militares da área abrangida pelo 2° BPM, comunicando da fuga dos criminosos, que estavam em uma motocicleta, sentido à Três Lagoas.

Uma guarnição da Força Tática de Três Lagoas, que estava em deslocamento à Brasilândia para fazer o cerco policial pela BR-158, se depararou com os criminosos. Em posse das características de ambos, emanaram uma ordem de parada à dupla, que não acatou e imediatamente disparou contra a guarnição. Diante da injusta agressão e para salvaguardar a vida da equipe, os policiais revidaram, alvejando os indivíduos, que estavam com uma bolsa com as joias roubadas.

Após a troca de tiros, a equipe da Força Tática resgatou os criminosos, que foram levados com vida até o Hospital Auxiliadora, mas morreram ao darem entrada na unidade médica.

Eles estavam com uma mochila contendo joias, semijoias, relógios, quatro aparelhos celulares, uma arma de fogo tipo pistola, calibre .45 e uma arma de fogo tipo revolver.

Um deles possuía um mandado de prisão em seu desfavor por tráfico de drogas, além de diversas passagens pelos crimes de homicídio, roubo, furto, porte de arma, dentre outros. O outro também tinha passagens por outros crimes.

As informações são da Rádio Caçula

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *