Ato de heroísmo de policiais é reconhecido na Câmara de Naviraí - ACS PMBM MS
quinta-feira, dezembro 8 Telefone: (67) 3387-8501

Ato de heroísmo de policiais é reconhecido na Câmara de Naviraí

Compartilhar

Cinco policiais militares, associados na Regional da ACS (Associação e Centro Social dos Policiais Militares e Bombeiros Militares de Mato Grosso do Sul) de Naviraí, receberam Moção de Congratulação da Câmara de Vereadores pelo ato de bravura e coragem no salvamento de dois pescadores que se afogavam no Rio Paraná, após caírem de sua embarcação, no último dia 15.

Foram agraciados o 2º Sargento PM Emerson Junior Duarte de Melo, 2º Sargento Antônio Correia Braga, 2º Sargento PM Daniel Rabello e 3º Sargento Augusto Cesar Gomes da Silva – os dois últimos integram a diretoria da Regional. O comandante da PMA local, tenente Ismael Carlos Frais Júnior, também recebeu a honraria. O autor da Moção foi o vereador Fabiano Domingos dos Santos.

O caso – Os policiais, lotados no 2º Pelotão de Polícia Militar Ambiental, realizavam patrulhamento fluvial pelo Rio Paraná, na região conhecida como Ilha da Baunilha, quando ouviram alguém pedindo socorro nas proximidades.

Rapidamente a equipe foi ao local e avistou um homem dentro da água se debatendo e fazendo gestos com braços com iluminação de uma lanterna, e ainda um com outro homem em uma embarcação à deriva aos gritos.

Um dos policiais saltou na água com o intuito de salvar a vítima, momento em que o homem que estava na embarcação informou que havia outro ocupante da sua embarcação na água sendo levado pela correnteza.

Como o sargento que saltou com colete salva-vidas já havia garantido a vida da primeira vítima que já se afogava por estar cansado e sem colete salva-vidas, os outros três policiais desceram a correnteza e avistaram a outra vítima com um braço levantado, pedindo socorro.

Um dos policiais pulou na água para resgatar a vítima, porém, por ser início da noite, já escuro e devido à forte correnteza, e ainda pelo fato de o homem estar sem colete salva-vidas e se debatendo muito, mesmo com colete salva-vidas, o policial começou a afundar juntamente com a vítima.

Nesse momento, rapidamente, o outro policial saltou na água para também auxiliar no resgate, porém a forte correnteza continuava arrastando os três.

Então, o policial que pilotava o barco manobrou para aproximação e retirada da vítima e dos dois militares da água, porém, a forte correnteza e a pouca luminosidade continuavam dificultando a aproximação.

Depois de algum tempo, a embarcação aproximou-se o máximo possível, e o policial da embarcação esticou os braços e, depois de seguros, vítima e policiais foram puxados para a embarcação. A embarcação da PMA retornou e retirou da água o policial que estava com a primeira vítima que também estava sem colete salva-vidas.

Neste momento, um médico, vice-prefeito de Itaquiraí, que havia sido abordado antes pela fiscalização, chegou ao local e examinou os afogados, de 31 e 44 anos, residentes em Naviraí e consultou a vítima (44) que ficara na embarcação, residente em Itaquiraí.

As vítimas socorridas foram levadas ao Porto Santo Antônio e o médico que acompanhou fez uma nova avaliação clínica dos resgatados e informou à equipe da PMA que todos estavam bem, apesar do susto.

Jeozadaque Garcia
Assessoria de Imprensa da ACS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.