Correio do Estado: Exaustos, policiais perdem guerra contra transtornos mentais em MS – ACS PMBM MS
quinta-feira, julho 18 Telefone: (67) 3387-8501

Correio do Estado: Exaustos, policiais perdem guerra contra transtornos mentais em MS

Compartilhar

A atual gestão da ACS tem colocado em prática sua proposta de reestruturação. Em abril de 2018, foi implantado, na sede da entidade, uma sala exclusiva para atenção psicossocial ao policial e bombeiro militar, seus familiares, sem nenhum custo.

O objetivo da Associação é oferecer cuidado diferenciado aos pacientes com sofrimento psíquico, por meio de atendimento individual e acolhedor.

Além desse atendimento individual no local, o profissional de psicologia tem feito acompanhamento aos pacientes internos em tratamento na Clínica Carandá, como também tem desenvolvido um acompanhamento psicológico aos sócios no Presídio Militar.

A entidade tem 12 regionais que fazem parte, e com isso temos atendido diversos sócios agregados nessas regionais como Dourados, Corumbá, Coxim, Três Lagoas e Jardim.

A ACS tem se preocupado com se associado, em oferecer qualidade de vida, pois com o decorrer do tempo dentro dessa profissão, tem se desenvolvido várias doenças psicossociais provocadas pela influência do contexto social que afetam diretamente no funcionamento de seu organismo biológico.

O estresse no ambiente de trabalho é um dos principais motivos para o surgimento das doenças psicossociais.

O esgotamento mental e físico, características da Síndrome de Burnout, é um exemplo de patologia psicossocial, que ainda pode levar a alterações no comportamento da pessoa, tornando-se mais agressiva e ansiosa.

O que é Síndrome de Burnout?

É um estado físico, emocional e mental de exaustão extrema, resultado do acúmulo excessivo em situações de trabalho que são emocionalmente exigentes ou estressantes, que demandam muita competitividade ou responsabilidade.

Também é conhecida como Síndrome de Esgotamento Profissional. É justamente o excesso de trabalho, e sob pressão. Essa síndrome pode resultar em um estado de depressão profunda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *