Notícias | 01.julho.2014

ACS protocola Projeto de Lei Complementar que cria Serviço Extraordinário Remunerado

Após uma série de reuniões com a tropa, a ACS (Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Bombeiro Militar de Mato Grosso do Sul) protocolou, na manhã do dia 17 de junho, o Projeto de Lei Complementar que institui, no âmbito da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, o Serviço Extraordinário Remunerado.

A proposta foi entregue na Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública), que deverá fazer uma avaliação e, em seguida, encaminhar para o governador André Puccinelli (PMDB).

O projeto prevê a compensação financeira para o policial militar ou bombeiro que for chamado para trabalhar em sua folga. O trabalho deverá ser prestado de forma voluntária e facultativa, respeitado o direito ao descanso mínimo de 24 horas.

Mais informações sobre a proposta, como valores a serem pagos, podem ser obtidas com o sargento Amauri Braga, diretor da ACS, nos telefones (67) 9965-9958 e 3387-8501.

Projeto foi entregue à Sejusp.

 

 

 


Curta Nossa Página no Facebook